Artigo

Convergência digital não é uma opção; é uma necessidade

Convergência digital é uma integração de mídias que se convergem para interagir em um único ambiente. Entrar nessa nova era não é mais uma opção. Segundo pesquisa realizada pela consultoria norte-americana Gartner, 25% das empresas que não transformarem seus negócios em digitais perderão competitividade a partir de 2017, tendendo a piorar o cenário ao longo dos anos.

O momento é agora, avisam os especialistas. Por isso, adotar tecnologias que aumentem a eficiência da cadeia de suprimentos e que melhorem a utilização de ativos é uma necessidade de todas as companhias.

Quando o assunto é tecnologia, a evolução é extremamente acelerada. Basta analisar todas as soluções e aplicativos que surgiram nos últimos anos e o quanto eles modificaram o mundo.

Empresas inovadoras já trabalham para se adequar a essa realidade. A inovação tem causado uma ruptura também nos modelos de negócios. Dispositivos móveis, redes sociais corporativas, analytics e soluções de automação de processos têm impactado fortemente as relações comerciais.

A convergência digital permite que as empresas tomem decisões em tempo real. Permite também que se avalie todos os aspectos da operação, desde suprimentos até a gestão de riscos, além de identificar, com antecedência, oportunidades de mercado. Essa velocidade é fundamental no cenário extremamente competitivo atual.

No entanto, embora os resultados sejam rápidos, o impacto é distinto em cada segmento de mercado. A diferença deve-se ao nível de adoção de tecnologia e as necessidades do setor.

Uma rede de varejo, por exemplo, adotou uma solução de automação de processos e a disponibilizou por meio de tablets para todas as suas lojas. Com o sistema, foi possível padronizar a operação e centralizá-la na matriz, evitando retrabalho e desperdício de tempo. Os celulares e os tablets também contribuíram para simplificar a comunicação entre gerentes e vendedores e a matriz, agilizando decisões no RH e nas lojas.

Já um banco conseguiu reduzir em mais de 70% o tempo de abertura de conta corrente ao automatizar seus processos. Agora, todos os documentos são digitalizados e inseridos no sistema, o que permite visualizar e analisar informações de forma ágil – além de evitar o extravio de documentos.

Conclusão: tornar-se digital simplifica e agiliza a operação, proporciona um aumento de produtividade e melhora a relação com o consumidor.

Ver mais posts

Artigos relacionados

Close